Aprendizagem baseada em equipes no ensino de bioquímica na graduação.

Evelyn Silva, Frank Paulo Cardoso

Resumo


O ensino da bioquímica é, muitas vezes, exposto em aulas teóricas, sendo visto pelos alunos como disciplina de difícil aprendizado. A aprendizagem baseada em equipe (ABE) é uma ferramenta de aprendizagem ativa que combina a preparação independente do estudante, previamente à aula, com a discussão em pequenos grupos em classe, sendo que o estudante assume uma posição ativa no aprendizado. Adotamos a ABE no ensino do metabolismo lipídico na disciplina de bioquímica. Neste estudo, avaliamos as percepções dos alunos sobre a ABE através de uma pesquisa qualitativa e também através do desempenho estudantil em três semestres onde diferentes abordagens de ensino foram utilizadas. Para a preparação da atividade, aulas expositivas foram complementadas com materiais extras que foram disponibilizados previamente aos estudantes. No dia da atividade os estudantes realizaram um teste individual, um teste de equipe e finalmente uma discussão geral do assunto abordado. Os resultados demonstram que os estudantes se sentiram motivados, no entanto apresentaram dificuldades em trabalhar em grupo. O desempenho dos estudantes que participaram da ABE melhorou em relação aos alunos que participaram apenas de aulas expositivas ou estudo dirigido. Este trabalho permite concluir que a inserção de metodologia ativa como a ABE favoreceu o desenvolvimento de habilidades cognitivas e não cognitivas e pode ser uma estratégia de ensino eficaz para a bioquímica.


Palavras-chave


Aprendizagem baseada em equipes; bioquímica; metodologias ativas

Texto completo:

PDF

Referências


Freitas CM, Freitas CASL, Parente JRF, Vasconcelos MIO, Lima GK, Mesquita KOd, et al. USO DE METODOLOGIAS ATIVAS DE APRENDIZAGEM PARA A EDUCAÇÃO NA SAÚDE: ANÁLISE DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA. Trabalho, Educação e Saúde. 2015;13:117-30.

Melo BC SAG. A prática da Metodologia Ativa: compreensão dos discentes enquanto autores do processo ensinoaprendizagem. Com Ciências Saúde. 2012;23(4):327-39.

BOLLELA VRS, M.H.; TOURINHO, F.S.V.; AMARAL, E. Aprendizagem baseada em equipes: da teoria à prática. Medicina (Ribeirão Preto). 2014;47(3):293-300.

Michaelsen LK, Watson WE, Black RH. A realistic test of individual versus group consensus decision making. Journal of Applied Psychology. 1989;74(5):834-9.

Michaelsen LK, Sweet M. The essential elements of team-based learning. New Directions for Teaching and Learning. 2008;2008(116):7-27.

de Andrade RSB, e Silva AFdS, Zierer MdS. Avaliação das dificuldades de aprendizado em Bioquímica dos discentes da Universidade Federal do Piauí. Revista de Ensino de Bioquímica; v 15, n 1 (2017): REB (Jan - Jun)DO - 1016923/rebv15i1690. 2017.

Silveira Covizzi UD, Lopes de Andrade PdF. Estratégia para o ensino do metabolismo dos carboidratos para o curso de farmácia, utilizando metodologia ativa de ensino. Revista de Ensino de Bioquímica; v 10, n 1 (2012): RBEBBM (Cessou em 2012 Cont ISSN 2318-8790 Revista de Ensino de Bioquímica)DO - 1016923/rebv10i1169. 2012.

Van Winkle LJ, Chandar N, Green JM, Lynch SM, Viselli SM, Burdick P. Does Critical Reflection by Biochemistry Learning Teams Foster Patient-centered Beliefs among Medical Students? Medical Science Educator. 2011;21(2):158-68.

Chhabra N, Kukreja S, Chhabra S, Chhabra S, Khodabux S, Sabane H. Team-based Learning Strategy in Biochemistry: Perceptions and Attitudes of Faculty and 1(st)-Year Medical Students. International journal of applied & basic medical research. 2017;7(Suppl 1):S72-S7.

Mun KH, Mun KC. Verification of learner’s differences by team-based learning in biochemistry classes. Korean J Med Educ. 2017;29(4):263-9.

Matthews JC. Intermeshing Passive and Active Learning Strategies in Teaching Biochemistry. American Journal of Pharmaceutical Education 1997;61.

Bobich JA. Active Learning of Biochemistry Made Easy (for the Teacher). Journal of Chemical Education. 2008;85(2):234.

Uderlei Donizete Silveira Covizzi PdFLdA. Estratégia Para O Ensino Do Metabolismo Dos Carboidratos Para O Curso De Farmácia, Utilizando Metodologia Ativa De Ensino. REvista Brasileira de Ensino de Bioquímica e Biologia Molecular. 2012;1.

Garcês BP, Santos KdO, Oliveira CAd. Aprendizagem baseada em projetos no ensino de bioquímica metabólica. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação; v13, n esp 1, maio (2018). 2018.

McInerney MJ, Fink LD. Team-based learning enhances long-term retention and critical thinking in an undergraduate microbial physiology course. Microbiology education. 2003;4:3-12.

Michaelsen LK, Sweet M. Team-based learning. New Directions for Teaching and Learning. 2011;2011(128):41-51.

Vasan NS, DeFouw DO, Compton S. A survey of student perceptions of team-based learning in anatomy curriculum: Favorable views unrelated to grades. Anatomical Sciences Education. 2009;2(4):150-5.

Zgheib NK, Simaan JA, Sabra R. Using team-based learning to teach pharmacology to second year medical students improves student performance. Medical Teacher. 2010;32(2):130-5.

OLIVEIRA TEA, I.S. Aprendizagem Baseada em Equipes (Team-Based Learning) : um método ativo para o Ensino de Física. Caderno Brasileiro de Ensino de Física,. 2016;33(3).

Vasan NS, DeFouw DO, Compton S. Team-based learning in anatomy: An efficient, effective, and economical strategy. Anatomical Sciences Education. 2011;4(6):333-9.

Faezi ST, Moradi K, Ghafar Rahimi Amin A, Akhlaghi M, Keshmiri F. The effects of team-based learning on learning outcomes in a course of rheumatology. Journal of advances in medical education & professionalism. 2018;6(1):22-30.

Koles PG, Stolfi A, Borges NJ, Nelson S, Parmelee DX. The Impact of Team-Based Learning on Medical Students' Academic Performance. Academic Medicine. 2010;85(11):1739-45.




DOI: https://doi.org/10.16923/reb.v17i0.848

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

SBBq  BDC   e-revistas   DOI     

Licença Creative Commons The content of this journal is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International license.