Uso de gamificação em aulas de Bioquímica como ferramenta de engajamento e motivação no ensino superior

Yuri Rafael de Oliveira Silva, Armando Maciel Toda, Seiji Isotani, Luciana Pereira Xavier

Resumo


A metodologia tradicional de ensino tem sido ineficaz em conquistar o interesse dos alunos, problema que se agrava no ensino da bioquímica, que aparenta ser uma disciplina abstrata e complexa. Uma das estratégias de intervenção didática que vem sendo sugerida nos últimos anos consiste na Gamificação. Neste trabalho, foram utilizados conceitos de jogos para a criação de uma mecânica onde os alunos recebem pontos por desenvolver ações durante o semestre, que podem ser gastos em uma loja que vende benefícios que podem afetar sua performance. A disciplina gamificada foi aplicada a alunos do curso de Biotecnologia da Universidade Federal do Pará. A motivação foi analisada através de questionário que avaliou a experiência subjetiva dos participantes, no qual os alunos consideraram o curso interessante, agradável e divertido. Esta metodologia apresenta-se como um complemento a outros métodos de ensino, sendo de implementação simples, flexível e sem custo.

Palavras-chave


Gamificação; Motivação; Engajamento

Texto completo:

PDF

Referências


Gil ES, Garcia EYA, Lino FMA, Gil JLV. Estratégias de Ensino e Motivação de Estudantes no Ensino Superior. Vita et Sanitas. 2012;6:57-81.

Silveira JT, Rocha JBT. Produção científica sobre estratégias didáticas utilizadas no ensino de Bioquímica: uma revisão sistemática. Revista de Ensino de Bioquímica. 2016;14(1):7-21.

Toda AM, Silva YRO, Cruz W, Xavier L, Isotani S. Um processo de Gamificação para o ensino superior: Experiências em um módulo de Bioquímica. Anais do Workshop de Informática na Escola 2016.

Dicheva D, Dichev C, Agre G, Angelova G. Gamification in Education: A Systematic Mapping Study. Journal of Educational Technology & Society. 2015;18(3):75-88.

Fardo ML. A gamificação aplicada em ambientes de aprendizagem. Revista Novas Tecnologias na Educação. 2013;14(1).

Bonde M, Makransky G, Wandall J, Larsen M, Morsing M, Jarmer H et al. Improving biotech education through gamified laboratory simulations. Nature Biotechnology. 2014;32(7):694-697.

Kapp KM. The gamification of learning and instruction. 1st ed. San Francisco: Pfeiffer, p.46; 2012.

Lee JJ, Hammer J. Gamification in Education: What, How, Why Bother? Academic Exchange Quarterly. 2011;15(2).




DOI: https://doi.org/10.16923/reb.v15i0.697

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

SBBq  BDC   e-revistas   DOI     

Licença Creative Commons The content of this journal is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International license.